Em Curitiba, Guarda Municipal e segurança privado, usam de truculência para deter deficiente auditivo em ônibus

YOU TUBE

Vídeo da internauta Jana Levandoski mostra integrantes da Guarda Municipal de Curitiba agindo com truculência contra um deficiente auditivo.

”Isto aconteceu na noite de segunda-feira no Inter Bairros 6 no Campo Comprido horário de saída do ônibus 21:15 da retentor.

Este senhor foi tratado com muita violência e sem nenhum respeito. Isso tudo aconteceu porque a cobradora falou que ele tinha feito gestos obsceno, mas o que aconteceu mesmo foi que esse senhor foi abrir o tampão do ônibus pois estava calor e a cobradora no mesmo momento fechou e não disse nada.

Ela chamou os Guardas Municipais e falou que no ônibus tinha um cara fazendo gestos obscenos, o ônibus não saiu do terminal no horário dele e os guardas chegaram ás 21:38.

No ônibus tinha uma moça que sabia falar por sinal e falou com ele, ele disse que não ia sair do ônibus pois quem errou foi a cobradora em falar coisas que ele nem fez e se sentiu humilhado.

Este é o vídeo de como os guardas agiram no momento. Isso é lamentável pois o senhor estava indo trabalhar na Kraft e por uma falta de comunicação ele foi tratado assim.

Isso e uma coisa que ninguém merece passar e a nossa Guarda Municipal tinha que ser mais preparada.

Os guardas chegaram a machucar o braço do rapaz. Muito lamentável..

Assista à grosseria:

https://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=yWcqLATTW_4

Anúncios
Publicado em Curitiba, Política | Deixe um comentário

Detran apreende Ferrari vermelha com R$ 55 mil em multas. Motorista estava alcoolizada

| R7 / DF

A motorista estava alcoolizada e se recusou a fazer o teste do bafômetro

4tx5ulkl7b_6juhefjy5_file.jpg?dimensions=780x340&resize=780x340&crop=800x349+0+82resize=780x340&crop=800x349+0+82
Ferrari pertence a uma empresa de blindagem de veículos e tem placa de São Paulo Detran

O Detran – DF apreendeu na madrugada desta quinta-feira (20) uma Ferrari vermelha avaliada em quase R$ 1 milhão. O carro de luxo está registrado em nome de uma empresa e tem placa de São Paulo. O veículo que trafegava na Asa Sul, área central de Brasília, está com documentos vencidos e acumula cerca de R$ 55 mil em multas por excesso de velocidade.

Segundo os agentes do Detran, as multas registraram velocidade média de 150 km/h. Uma mulher dirigia o veículo e apresentava sinais de embriaguez. Ela se recusou a fazer o teste do bafômetro.

O Detran recolheu a habilitação da motorista e a Ferrari foi encaminhada ao depósito do Detran. Para reaver o veículo, o proprietário terá de pagar, além das multas, o IPVA que está atrasado e as diárias do depósito e do guincho.

Publicado em Política | Deixe um comentário

Se todos os pais fossem assim: Meu filho tem que pagar pelo que fez, diz pai de jovem que matou ex

| G1

foto
Foto: Marcos Fernandez/ A Gazeta
‘Não deveria sair dali viva’, disse jovem que matou ex-namorada

O pai do jovem Christian Cunha, que confessou a morte da ex-namorada Bárbara Richardelle, diz estar indignado e faz questão “de que seja feita justiça”. Segundo o microempresário Carlos Azevedo de 45 anos, se depender dele, o filho “vai pagar pelo que fez”. Na web, ele fez um desabafo e disse que está decepcionado e perdido.

Christian confessou ter matado Bárbara dentro do canteiro de uma obra em Vila Velha e o corpo foi abandonado às margens da Rodovia Darly Santos, na madrugada de terça-feira (18), cinco horas depois do assassinato. De acordo com as investigações da polícia, a jovem foi até o ex-namorado. Os dois já discutiam, há algumas semanas, após a jovem descobrir que fotos sensuais dela vazaram na internet. A vítima foi encontrada com sinais de estrangulamento, com o olho roxo e uma lesão na cabeça.

Carlos declarou, em entrevista ao jornal A Gazeta, que o casal tinha um namoro normal. Os dois moravam na mesma rua e o rapaz sempre teve um temperamento amável. “A família toda está arrasada. Minha mãe está passando mal. Meu irmão, que é advogado, não teve condições de lidar com o caso. Todos que o conhecem sabem o quanto seria improvável pensar que uma coisa dessas iria acontecer”, contou.

O microempresário não tem ideia do que Christian esconde quando diz que Bárbara sabia demais. “Não sei, fiquei surpreso. O que teria acontecido de tão grave se era um menino que vivia trabalhando comigo. Perguntei: ‘Meu filho, por que você fez isso?’ Ele respondeu que não pensou na hora. Então, eu perguntei se ele não tinha pensado em mim, na família, nele… E perguntei: ‘Você achou que iria ficar tudo bem?’”, questionou.

Na madrugada de terça-feira (18), Carlos voltava de São Paulo quando Christian ligou informando que Bárbara havia desaparecido e que estava sendo procurada pela família. Ele aconselhou o filho a ir até a casa da ex-namorada para dar apoio à família dela. Mas, ao chegar de viagem, soube que a vendedora estava morta. “Nessa hora, fiquei sem chão. Eu a conhecia… Então, comentei com o meu filho e ele disse que já sabia, que tinha visto no Facebook”, lembra.

Ao levar o filho para a Delegacia de Homicídios e Proteção às Mulheres (DHPM), Carlos não imaginava que o rapaz era culpado. “Cheguei confiante de que ele daria algum esclarecimento. Ao receber a notícia, perdi o chão, mas, agora, só quero que ele seja respeitado como ser humano. Queria conseguir fazer com que a sociedade enxergasse que não estou achando certo o que meu filho fez. Estou sendo pai. Pedi a proteção de Deus para ele, e que ele não faça uma besteira contra si mesmo”, comentou.

Apesar de reprovar a atitude do filho, o pai quer visitá-lo no presídio e diz que vai apoiá-lo. “Sou a única pessoa que o Christian tem e ele não pode ser abandonado. A mãe dele e eu nos separamos pouco tempo depois que ele nasceu. Fiz minha parte, fui um pai de verdade”, salientou, observando que o filho, que fazia curso para pilotar aviões, jogou o futuro fora.

Chance
O microempresário quer a oportunidade de conversar com a mãe de Bárbara, Selma dos Santos Costa, 48, para expressar o quanto está triste e envergonhado pelo que aconteceu. “Não tenho palavras. Diria que estou envergonhado, triste. Que fugiu da minha competência evitar isso. Cabe a mim olhar nos olhos dela e mostrar o quanto estou triste, decepcionado, arruinado. Não sei calcular a minha reação se o que aconteceu com ela ocorresse comigo.”, complementou.

Rede social
No Facebook, Carlos fez um desabafo e disse que está decepcionado e perdido. “Minha vida acabou. Não encontro palavras para expressar minha indignação mas afirmo que estou me empenhando para que a justiça seja feita na forma exata da legalidade. Tenho vergonha do que aconteceu. Tenho muita tristeza por conta de tudo isso. Barbara ficará para sempre em minha memoria”, diz em um trecho do depoimento.

Prisão
O jovem Christian Cunha se apresentou na Delegacia de Homicídios e Proteção à Mulher (DHPM), nesta terça-feira, e confessou o assassinato da ex. Em depoimento, contou que ele e Bárbara namoraram durante 1 ano e 3 meses, mas o relacionamento terminou um pouco antes do carnaval por causa do vazamento das fotos.

Os pais da vítima acompanharam o depoimento do jovem e se mostraram inconsoláveis com o desfecho do desaparecimento da filha. Segundo a polícia, antes de ser preso, Christian manteve contato com a família de Bárbara durante toda a noite e madrugada, dizendo que não sabia nada sobre o paradeiro da jovem. A polícia informou que familiares da vítima afirmaram que o rapaz demonstrou preocupação ao ser questionado sobre o desaparecimento.

Crime
Nesta segunda-feira (17), Christian pediu para que Bárbara passasse em uma obra na Praia da Costa, em Vila Velha, sob responsabilidade da empresa do seu pai, por volta das 17h. No local, os dois discutiram mais uma vez, e a garota foi embora. No entanto, de acordo com o rapaz, a ex-namorada retornou ao local por volta das 19h, mas outra discussão aconteceu. Nervosa, a jovem disse que não queria continuar a conversa, e citou que "o atual namorado iria buscá-la". A família da moça diz desconhecer um novo namorado de Bárbara.

Transtornado com a informação, Christian disse ter surpreendido Bárbara, que tinha lhe dado as costas, e a esganou. Ela desmaiou, e ele acreditou que a ex-namorada estava morta. Ele então arrastou o corpo da garota para dentro da obra, e permaneceu ao lado dele até as 22h.
Christian relatou à polícia que, em um determinado momento, saiu da obra para comprar churrasquinho e guaraná. Segundo o delegado, Christian disse que se alimentou ao lado do corpo da ex-namorada e, ao perceber que Bárbara se mexeu, pegou uma cavadeira de obra e a golpeou na cabeça.

Publicado em Política | Deixe um comentário

Estudante paranaense é o mais jovem piloto no Grid da Stockcar em 2014

Piloto de 19 anos vai acelerar no tradicional circuito de Interlagos, neste domingo, as 10h da manhã

Assessoria

Gabriel Casagrande, 19 anos, trabalha na empresa do pai durante o dia, à noite cursa Administração de Empresas em uma universidade de Curitiba, arruma tempo para estudar e fazer os trabalhos da faculdade e se divertir com os amigos. Até aí nada de diferente na rotina deste jovem que, como tantos outros, inicia uma vida profissional e adulta procurando seu lugar ao sol. No entanto, Gabriel mantém ainda uma outra atividade, esta bem mais inusitada que as corriqueiramente procurada por jovens da sua idade. Gabriel é piloto da Stockcar, principal categoria do automobilismo nacional, onde faz sua estreia neste domingo, dia 23.

Formado piloto nas categorias de base do automobilismo, o KART, Gabriel acumula títulos desde criança e, no ano passado, fez seu período de experiência na Stock correndo pela Stockcar Light, terminando a temporada em 3º colocado. “Foi um aprendizado, um período de transição que me fez amadurecer como piloto, estou pronto para novos desafios”, disse.

Nova Equipe

Gabriel Casagrande competirá na temporada 2014 com a recém criada equipe C2, genuinamente Paranaense. De acordo com o piloto, que terá ao seu lado, como companheiro de equipe, o também jovem piloto Diego Nunes. “Será uma estreia e tanto, correr em Interlagos, em categoria nova, com uma equipe nova, é realmente muito empolgante”, descreveu.

Interlagos

Natural de Pato Branco, no sudoeste do Paraná, Gabriel estreia na Stockcar neste domingo, no autódromo de Interlagos, e terá ao seu lado no grid, experientes pilotos do automobilismo mundial como Rubinho Barrichelo e Cacá Bueno. “Para mim é uma honra poder correr ao lado desses e outros pilotos tão importantes para a história do automobilismo nacional e mundial, estou animado e ansioso com essa estreia”, disse.

Daytona

Antes de acelerar fundo pela Stockcar, Gabriel passou uma temporada nos EUA, onde participou da tradicional prova 24h de Daytona que aconteceu entre os dias 25 e 26 de janeiro, com a tradicional 24 Horas de Daytona, em 52ª edição. A corrida de longa duração considerada uma verdadeira maratona do automobilismo recebeu mais uma vez nomes consagrados do esporte a motor internacional. Entre eles, Julio Campos e Gabriel Casagrande, que participaram pela primeira vez da prova, formando time com Rafa Matos e os norte-americanos Ryan Booth e Tomy Drissi, pela equipe Performance Tech, com o protótipo Oreca-Chevrolet V8 # 38, na categoria LMPC.

Publicado em Política | Deixe um comentário

Ibope se contradiz, e pesquisa eleitoral não é divulgada

| Infomoney

12136_2_L.jpg
Imagem: Reprodução

A pesquisa com os dados sobre a corrida presidencial, cuja publicação foi confirmada para esta quarta-feira pelo Ibope, não foi divulgada pela TV Globo nem pelo Estadão, que encomendaram o levantamento. O Ibope registrou a pesquisa no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número BR-00031/2014 na última sexta-feira (14). A divulgação da pesquisa estava prevista para esta quarta-feira (19), conforme pode ser verificado no documento registrado no site do TSE.

Procurada pelo InfoMoney, a assessoria de imprensa do Ibope informou, no início da tarde, que o levantamento seria divulgado pelas empresas que encomendaram a pesquisa no início da noite no site do Estadão, na Globonews e na TV Globo. Após o colunista Lauro Jardim, da revista Veja, publicar que o levantamento só seria divulgado na noite de quinta-feira porque não estava pronto, o InfoMoney voltou no final da tarde a entrar em contato com a assessoria do Ibope, que confirmou que não apenas o estudo já havia sido concluído como também que já tinha sido repassado para a Globo e para o Estadão. Pela segunda vez, o Ibope também confirmou que a pesquisa seria tornada pública na quarta-feira.

O InfoMoney procurou as assessorias de imprensa da Globo e do Estadão para entender qual era a informação verdadeira, mas ninguém foi encontrado.

Rumores de que a pesquisa eleitoral poderia mostrar a redução da vantagem da presidente Dilma Rousseff (PT) sobre os pré-candidatos da oposição mexeram com a Bovespa nesta quarta-feira. As maiores estatais federais estiveram entre as principais altas do Ibovespa no dia: ordinárias da Eletrobras (6,14%), ordinárias do Banco do Brasil (4,59%) e ordinárias da Petrobras (3,47%). As empresas já tinham registrado um desempenho positivo no pregão de terça-feira. O mercado reagiu positivamente porque os investidores entendem que o governo Dilma é muito intervencionista e prejudica a rentabilidade das empresas estatais.

Infomoney

Publicado em Política | Deixe um comentário

Porecatu: Ministério Público ajuíza ação em que pede afastamento de prefeito por crime de improbidade administrativa

A vida política do prefeito tucano de Porecatu, Walter Tenan, não anda fácil. Depois de ter sido eleito em primeiro mandato e comemorar na Penitenciária Central do Estado, em Piraquara, conseguir o arquivamento de um pedido de cassação sob supostas ameaças a vereadores, enfrentar um processo por agressão física contra uma cidadã (com base na Lei Maria da Penha), agora o Ministério Público resolveu pedir o seu afastamento por crime de improbidade administrativa.

A denúncia do Ministério Público clarifica que Tenan e o seu assessor para indústria, comércio, agricultura e meio ambiente, Luiz Moretti, sejam enquadrados no artigo 12, inciso III, da Lei nº 8.429/92, que diz: “Art. 12. Independentemente das sanções penais, civis e administrativas previstas na legislação específica, está o responsável pelo ato de improbidade sujeito às seguintes cominações, que podem ser aplicadas isolada ou cumulativamente, de acordo com a gravidade do fato: (Redação dada pela Lei nº 12.120, de 2009).III – na hipótese do art. 11, ressarcimento integral do dano, se houver, perda da função pública, suspensão dos direitos políticos de três a cinco anos, pagamento de multa civil de até cem vezes o valor da remuneração percebida pelo agente e proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de três anos”.

No documento, o Ministério Público pede a condenação do prefeito Walter Tenan e de Luiz Moretti, afirmando ter “… havido ofensa aos princípios que regem a Administração Pública, fica caracterizado o ato de improbidade administrativa”.

Ainda, no documento, o Promotor Francisco Ilídio Hernandes Lopes pede “… a procedência do pedido, para o fim de condenar os Requeridos Walter Tenan e Luiz Moretti nas sanções do artigo 12, inciso II, da Lei nº 8.429/92, pela prática do ato de improbidade administrativa (…)”.

É… a vida do prefeito de Porecatu não está nada fácil…

Mais uma vez, o blog está à disposição do prefeito Walter Tenan ou de sua assessoria, para respostas sobre o assunto aqui abordado.

mpporecatu1

 

 

 

 

 

 

 

 

mpporecatu2

Publicado em Coluna do Dia, Política, Porecatu | Marcado com , , | Deixe um comentário

Artigo de Hélio Duque: O “trem bala” do BNDES

| Publicado no Bem Paraná

https://i0.wp.com/i1.ytimg.com/vi/NDEpuiCpRHM/hqdefault.jpg

Quem ainda se lembra do trem bala? Ligaria o Rio de Janeiro a Campinas, com investimento previsto de R$ 38 bilhões. Era a menina dos olhos do governo Dilma Rousseff. Felizmente, para os brasileiros que pagam a conta, o projeto descarrilou em alta velocidade no seu nascedouro pela inviabilidade técnica e econômica. Era um sonho de uma noite de verão.
Infelizmente outros “trem bala” estão descarrilando na economia brasileira com reflexos danosos para o futuro do desenvolvimento sustentável, objetivo de qualquer governo sério. Um deles é pilotado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social, que desenvolve relação promíscua com o Tesouro Nacional, digna de um lupanar de beira de estrada. No seu bojo é utilizada a lógica (ilógica) da contabilidade criativa, operada em larga escala na política econômica do atual governo brasileiro.
A aliança BNDES-Tesouro demonstra que a desordem e a irresponsabilidade na administração das contas públicas atingem níveis intoleráveis. Consiste nos empréstimos feitos pelo Tesouro, através a emissão de títulos públicos, ao banco de fomento, supostamente para alavancar os investimentos privados. O crescimento dessas operações vem atingindo números inacreditáveis. Cerca de 90% da totalidade dos empréstimos do Tesouro são ao BNDES, ficando 10% para outros bancos públicos, destacadamente Caixa Econômica e o Banco do Brasil. Farra inqualificável com o dinheiro público. O economista Edmar Bacha é didático: “O BNDES virou a mãe de todos os empresários. Virou uma desgraça e tem que voltar aos trilhos.”
Objetivamente: em 2007, início do segundo mandato do presidente Lula, os empréstimos do Tesouro aos bancos públicos correspondiam a 0,4% do PIB (Produto Interno Bruto), totalizando R$ 14 bilhões. Ao final de 2013 deu o gigantesco salto para 9,6% do PIB, representando R$ 438 bilhões. Afetará a vida do contribuinte no futuro com um custo insuportável, já que o tesouro se endivida a uma taxa de mercado e repassa ao BNDES a um valor menor. No ano passado o subsídio nesse tipo de operação teve custo de R$ 24 bilhões.
O custo médio para o Tesouro gira em torno de 10%, enquanto o BNDES remunerará o empréstimo através a TJLP (Taxa de Juro de Longo Prazo) de 5%. Os recursos oriundos dessas operações são canalizados para grandes empresas nacionais. Parcelas substanciais são transferidas para o exterior com execução de obras e financiamento na aquisição de empresas.
Em Cuba, a construção do porto de Mariel, pela empresa Odebrecht, teve no BNDES o grande financiador. O grupo JBS, frigorífico Friboi, o maior do mundo, teve nos recursos dessas operações Tesouro-BNDES, poderosa alavanca de financiamento. Investimentos no metrô de Caracas e obras de infraestrutura em Angola e outras partes do mundo, tem no banco brasileiro o garantidor dos créditos financeiros.
Daí a razão do governo Dilma Rousseff ter aprovado “protocolo inconstitucional” determinando a impossibilidade de se conhecer os termos de contratos celebrados por empresas brasileiras e países como Angola, Cuba e Venezuela. Com lamentável e triste submissão da maioria dos parlamentares que integram a base de apoio do governo. Os congressistas que honram o mandato popular, à exemplo do senador Alvaro Dias e outros, foram esmagados pelo voto submisso, no direito legítimo de conhecer aqueles protocolos. É o Congresso se demitindo do seu papel republicano.
O Brasil carente de investimentos na sua infraestrutura amarga solitário abandono. Exemplo: nos últimos dez anos, em saneamento básico, o investimento foi de R$ 9,8 bilhões. Numa realidade onde metade das residências não tem coleta de esgotos. As obras de transposição do Rio S.Francisco, que amenizaria a seca na região do semiárido nordestino, elevando a qualidade de vida daquela sofrida população, iniciada em 2005, está estagnada. Os portos brasileiros, as rodovias em situação de sucateamento de norte a sul, não merecem prioridade de investimentos na dinâmica exigida. Com a educação e a saúde, não é diferente.
Enquanto isso, o binômio Tesouro-BNDES, vai navegando em mares calmos, garantindo pescaria de bilhões de reais a grandes grupos econômicos nacionais, insaciáveis tubarões. Em outros mares, bravios e procelosos, os brasileiros em frágeis embarcações enfrentam a tempestade da corrupção e da incompetência.

Hélio Duque é doutor em Ciências, área econômica, pela Universidade Estadual Paulista (Unesp). Foi Deputado Federal (1978-1991). É autor de vários livros sobre a economia brasileira

Publicado em Política | Deixe um comentário