Após ironizar CNJ no Facebook, juiz paranaense pede demissão

| Portal Bonde

Envolvido em uma polêmica desde fevereiro, quando usou o Facebook para ironizar o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o juiz paranaense Marcelo Cesca pediu exoneração do cargo na noite de terça-feira (18). O Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) vai ficar responsável por analisar a solicitação. As informações são do Folha de S. Paulo.

Cesca, até então juiz federal da 15.ª Vara do TRF1, em Brasília (DF), usou a rede social para postar fotos em que aparece na praia e disparar contra o CNJ por estar afastado das funções. “Eu agradeço ao Conselho Nacional de Justiça por estar há 2 anos e 3 meses recebendo salário integral sem trabalhar”, escreveu o magistrado na legenda de uma das imagens.

O juiz foi afastado cargo em 2011 depois de um surto psicótico. Cesca afirmou, na época, que já havia recebido uma avaliação psiquiátrica que o permitia voltar ao trabalho.

O TRF, por sua vez, emitiu nota garantindo que o caso estava sendo analisado e que o juiz está regularmente afastado de suas funções. (com informações da Folha de S. Paulo)

Anúncios
Esse post foi publicado em Política. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s