Aumento do capital da Sanepar é patifaria, diz Requião (@requiaopmdb)

SANEPAR REQUIÃO

Em entrevista à Rádio Banda B na tarde desta quarta-feira (19), o senador Roberto Requião (PMDB/PR) voltou a criticar o projeto que aumenta o capital social da Sanepar de R$ 2,6 bilhões para R$ 4 bilhões.

Sabendo que os deputados Gilberto Martin (PMDB) e Luiz Carlos Martins (PDT), que são suplentes, votariam contra, o Governo do Estado fez os deputados Luiz Eduardo Cheida e Luiz Claudio Romanelli reassumirem seus postos na Assembléia Legislativa.

Desta forma, o Governo garantiu dois votos favoráveis ao projeto.

“Deputados governistas estão vendendo a Sanepar e prejudicando todos os paranaenses. Este pessoal está doido e a nossa Assembléia, com algumas honrosas exceções, é um bando de moleques”, afirmou o senador.

A justificativa do Governo para a operação e levantar dinheiro para novos investimentos.

No entanto, o deputado Tadeu Veneri (PT) afirma que o momento não é propício para a venda de ações porque a operação vai reduzir o poder do governo na Sanepar, ficando até mesmo sem direito a voto em algumas situações.

Outro questionamento feito por deputados contrários ao aumento de capital é o valor das ações, que passaram de R$ 12,75 em setembro do ano passado para R$ 5,50.

Na ocasião, a Sanepar pagou em ações uma dívida com o Governo do Paraná. A oposição acredita que esse valor de setembro foi superfaturado.

“Aconselho o mercado a não comprar estas ações porque se um governo sério entrar no Paraná, esta folia acaba. Esse pessoal acha que vai comprar ações da empresa para ganhar dinheiro. Vão diminuir o investimento e aumentar a tarifa. O lucro da Sanepar deve ser para aumentar o investimento, incluir mais pessoas no consumo de água tratada e esgoto”, afirmou Requião.

“Fui governador por 12 anos e nunca precisei fazer uma patifaria destas para governar. Mantive a Sanepar por sete anos com tarifa congelada. Eu gostaria que tudo isso parasse na cadeia. Daqui a pouco querem vender o ar que respiramos”, afirmou.

Para ele, esta operação é a prova de que os financiadores da campanha de Beto Richa estão mandando no Estado.

“Mancharam a imagem do governo, do Paraná. Como é possível aceitar uma manobra desta? É roubo puro. Estão liquidando a Sanepar. Água é sagrada. Água não é mercadoria”, finalizou.

Ouça o áudio

Anúncios

Sobre Rodini Netto

- Jornalista brasileiro (DRT-Pr 7.294) e Consultor em Comunicação Política. - Editor do Blog Moeda Livre Economia Digital - Fundador e Editor do Jornal Diário de Piraquara (2008). - Editor do Blog Meandros da Política (2008-2016).
Esse post foi publicado em Política. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s