Florestópolis: MST ocupa área do grupo Atalla no Paraná

No sábado, 500 famílias do MST ocuparam a Fazenda Porta do Céu, do grupo Atalla, empresa sucroalcooleira. O acampamento Zilda Arns fica em Florestópolis, norte do Paraná. A fazenda tem 2 mil hectares e já foi declarada improdutiva pelo Incra em vistoria de 2008.

A família Atalla é dona de 42 mil hectares de terras, já foi denunciada por violações dos direitos trabalhistas e trabalho escravo. Em 2008, 228 trabalhadores foram encontrados em situação degradante, semelhante ao trabalho escravo, em fazendas do grupo. A empresa é acusada de causar a destruição ambiental, e a expulsão de trabalhadores do campo.

Anúncios
Esse post foi publicado em Política. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s