Instituto Paz no Trânsito é arrombado e Cristiane Yared levanta suspeitas

Banda B

instituto

Segundo presidente do Instituto, bandido entrou pelas janelas do fundo. Foto: Reprodução Facebook

A sede do Instituto Paz no Trânsito que fica no bairro Cristo Rei, em Curitiba, foi arrombada no fim da tarde deste domingo (2). O bandido ( ou bandidos) teria entrado pelas janelas dos fundos e revirou o escritório. Ninguém foi detido até a manhã de hoje.

De acordo com a presidente do Instituto, Cristiane Yared, o local parecia ‘cena de filme policial’ porque estava todo revirado. Ela publicou na página pessoal do Facebook a foto dos documentos revirados. Na legenda, demonstrou desconfiança. “Chamou-nos a atenção o desinteresse no notebook, na televisão, na máquina fotográfica e em outros equipamentos que estavam sobre a mesa, deixando claro o interesse apenas nos documentos”, descreveu. Cristiane é mãe de Gilmar Yared, morto em maio de 2009, após acidente envolvendo o ex-deputado Luiz Fernando Ribas Carli Filho.

O Instituto Paz no Trânsito atende famílias que perderam pessoas em acidentes de trânsito. A organização funciona como suporte e apoio também para motoristas infratores por meio de projetos sociais e orientações.

Julgamento

Recentemente, o Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR) decidiu pelo júri popular no julgamento do ex-deputado estadual Ribas Carli Filho, acusado de matar dois jovens nesse acidente de trânsito em maio de 2009, no bairro Mossunguê, em Curitiba. Por meio desta medida, ele deve responder por homicídio de dolo eventual (quando se assume o risco de matar), e não por homicídio culposo (quando não há intenção) pela Vara Comum de Trânsito.

Carli Filho, segundo a acusação, dirigia embriagado e a 173 km/hora. Na ocasião, o Detran informou que o ex-deputado tinha 130 pontos em sua CNH por infrações de trânsito.

Pergunta

No fim da mensagem publicada na rede social, Cristiane pergunta. “Há poucos dias tivemos o julgamento histórico pelo TJPR do caso Carli x Família Yared. A quem interessaria os arquivos?”.

O caso está sendo investigado pela Delegacia de Furtos e Roubos.

Anúncios

Sobre Rodini Netto

Jornalista de profissão, editor dos Blogs Meandros da Política (Brasil), Versão Brasileira (Europa). Diretor do Jornal Diário de Piraquara Consultor de Comunicação Digital
Esse post foi publicado em Política. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s