O desabafo de João Arruda

Quero agradecer todas manifestações que tenho recebido no Facebook e no Twitter, de pessoas, muitas que inclusive não são filiadas ao PMDB, que são do interior, por enfrentar este jogo baixo, sorrateiro, mais de mil e oitocentos filiados fora do prazo… É o fim da democracia no PMDB.

Mas não vamos afrouxar o garrão. Vamos continuar na luta, vamos continuar na briga, peço a todos os filiados que discordam disso em Curitiba, que nos ajudem na convenção de amanhã.

Tenho recebido muitas manifestações e elogios que me emocionam, pedindo para votarem no João Arruda, enfim. Quero agradecer a solidariedade e apoio e dizer que tenho posição, tenho compromisso com os companheiros.

Vamos enfrentar esta turma que quer vender o partido, que estão jogando baixo, sorrateiramente, gente do PSD ligada à UGT trabalhando contra nós, gente do governo estadual, gente de todos os lados fazendo filiações em massa e descumprindo compromissos assumidos junto ao diretório nacional.

Vou seguir em frente por não concordar com isto nunca e sempre vou me posicionar, vou disputar quantas eleições forem necessárias, por não vou concordar com isto nunca. Pessoas ligadas ao atual governador, que eram ligadas ao ex-governador Requião e que hoje estão com o atual governo.

Vamos a luta, sempre por um PMDB forte e independente!

Quero agradecer todas manifestações que tenho recebido no Facebook e no Twitter, de pessoas, muitas que inclusive não são filiadas ao PMDB, que são do interior, por enfrentar este jogo baixo, sorrateiro, mais de mil e oitocentos filiados fora do prazo... É o fim da democracia no PMDB. Mas não vamos afrouxar o garrão. Vamos continuar na luta, vamos continuar na briga, peço a todos os filiados que discordam disso em Curitiba, que nos ajudem na convenção de amanhã. Tenho recebido muitas manifestações e elogios que me emocionam, pedindo para votarem no João Arruda, enfim. Quero agradecer a solidariedade e apoio e dizer que tenho posição, tenho compromisso com os companheiros. Vamos enfrentar esta turma que quer vender o partido, que estão jogando baixo, sorrateiramente, gente do PSD ligada à UGT trabalhando contra nós, gente do governo estadual, gente de todos os lados fazendo filiações em massa e descumprindo compromissos assumidos junto ao diretório nacional. Vou seguir em frente por não concordar com isto nunca e sempre vou me posicionar, vou disputar quantas eleições forem necessárias, por não vou concordar com isto nunca. Pessoas ligadas ao atual governador, que eram ligadas ao ex-governador Requião e que hoje estão com o atual governo. Vamos a luta, sempre por um PMDB forte e independente!

Anúncios

Sobre Rodini Netto

Jornalista de profissão, editor dos Blogs Meandros da Política (Brasil), Versão Brasileira (Europa). Diretor do Jornal Diário de Piraquara Consultor de Comunicação Digital
Esse post foi publicado em Política. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s