Mercadante já despacha informalmente na Casa Civil, diz jornal

UOL/Política

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, em conversa com a presidente Dilma Rousseff durante evento oficial Foto: Ueslei Marcelino / Reuters O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, em conversa com a presidente Dilma Rousseff durante evento oficial Foto: Ueslei Marcelino / Reuters

O ministro da Educação, Aloísio Mercadante, despachou informalmente no gabinete da Casa Civil, no Palácio do Planalto, nesta segunda-feira, conforme publicou o jornal O Estado de S. Paulo. A mudança faz parte da reforma ministerial iniciada pela presidente Dilma Rousseff, que começa a desenhar a sua equipe para o último ano do governo. Além da mudança de Mercadante para a Casa Civil, o empresário Josué Gomes da Silva (PMDB) deverá assumir o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior.

O despacho informal de Mercadante teria ocorrido pelo fato de a titular da pasta, ministra Gleisi Hoffmann, estar de férias. Gleisi deixará o cargo para disputar o governo do Paraná e, na vaga de Mercadante, entrará o atual secretário executivo do Ministério da Educação, José Henrique Paim.

Após o trabalho na Casa Civil, Mercadante foi ao Palácio da Alvorada para uma reunião com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma.

Ontem, porém, o porta-voz da Presidência da República, Thomas Traumann, classificou como especulação anúncios antecipados de mudanças na Esplanada dos Ministérios e disse que as confirmações referentes à reforma ministerial ficarão para o retorno da presidente Dilma Rousseff, que viajará para a Suíça e para Cuba entre esta semana e a semana que vem.

“Não houve nenhuma confirmação. Só especulação. Todas as confirmações serão feitas após o retorno da presidenta Dilma da Europa e Cuba”, afirmou Traumann. “Qualquer confirmação sobre ministros será feita apenas após o retorno da presidenta.”

Sopa de letrinhas da política brasileira

Sopa de letrinhas da política brasileira

Apenas entre outubro de 2011 e junho de 2012, três novos partidos tiveram seus registros aprovados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Depois do Partido Social Democrático (PSD), criado pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, e do Partido Pátria Livre (PPL), a sopa de letrinhas do sistema político brasileiro foi engrossada pelo Partido Ecológico Nacional (PEN). Os dois primeiros partidos poderão disputar as eleições deste ano, já que, em outubro, poderão apresentar candidatos filiados há mais de um ano, como exige o TSE.

Trocas de comando
Segundo a publicação, dez ministros devem deixar os cargos para concorrer às eleições. O atual secretário da Saúde de São Bernardo do Campo, Arthur Chioro (PT), deverá assumir o Ministério da Saúde. Chioro substituirá Alexandre Padilha, que deixará a pasta para concorrer ao governo de São Paulo pelo PT. Já o Ministério do Desenvolvimento, dirigido por Fernando Pimentel (PT), que deixará a pasta para concorrer ao governo de Minas Gerais, será assumido por Josué Alencar, filho do vice-presidente José Alencar.

Ao PMDB, Dilma vai oferecer a Secretaria de Portos. O partido deverá perder o Ministério do Turismo, que deve ir para Benito Gama, presidente do PTB. A Integração fica com o novo aliado PROS, do governador do Ceará, Cid Gomes, e o Ministério da Ciência e Tecnologia, hoje com o PT, pode ir para o PSD do ex-prefeito Gilberto Kassab.

O ministro da Pesca, Marcelo Crivella (PRB), deve deixar a pasta para disputar o governo no Rio. Informações apontam que a presidente decidiu manter a Pesca com o PRB.

O anúncio das trocas na Esplanada, segundo o jornal, será em fevereiro.

Terra

Anúncios

Sobre Rodini Netto

Jornalista de profissão, editor dos Blogs Meandros da Política (Brasil), Versão Brasileira (Europa). Diretor do Jornal Diário de Piraquara Consultor de Comunicação Digital
Esse post foi publicado em Política. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s