Romeu Tuma Jr acusa Gilberto Carvalho

Na Veja que chega às bancas, a bomba da semana. O delegado Romeu Tuma Junior, o Tuminha, que foi Secretário Nacional de Justiça no governo Lula, dá longa entrevista sobre o seu livro “Assassinato de Reputações” que traz revelações incríveis. Além de Lula, que trata como informante de seu pai, o delegado do Dops Romeu Tuma, nos idos do regime militar, Tuma Jr escancara figuras como o paranaense Gilberto Carvalho, ministro secretário da presidente Dilma, que estaria envolvido em enormes falcatruas e seria eximio fabricante de dossiês falsos contra os adversários de Lula e do PT. E assegura que o prefeito de Santo André, Celso Daniel, foi assassinado. Queima de arquivo, diz Tuma.

Anúncios

Sobre Rodini Netto

- Jornalista brasileiro (DRT-Pr 7.294) e Consultor em Comunicação Política. - Editor do Blog Moeda Livre Economia Digital - Fundador e Editor do Jornal Diário de Piraquara (2008). - Editor do Blog Meandros da Política (2008-2016).
Esse post foi publicado em Política. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s