Pleno confirma decisão contra acúmulo irregular de cargos em Dois Vizinhos

Aspecto do município: A manutenção da decisão impl ...

O Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) confirmou a determinação para que o vice-prefeito de Dois Vizinhos (Sudoeste paranaense) em 2010, Paulo Sérgio Ribas Santiago, devolva R$ 44.135,19, corrigidos, à Prefeitura Municipal. O Tribunal Pleno, colegiado que reúne auditores, conselheiros e procurador-geral do Ministério Público de Contas do TCE, negou Pedido de Rescisão (Processo nº 473069/13) de Santiago e manteve, na íntegra, decisão de março, que opinou pela irregularidade das contas anuais do Executivo.

A manutenção da decisão implica, ainda, em multas a Santiago. Ele deve ao Tribunal 10% do valor (R$ 4.413,51) considerado irregular, acrescido de R$ 691,13, ambas sanções administrativas previstas na Lei Orgânica do Tribunal (Lei Complementar nº 113/2005). No ano de 2010, o então vice-prefeito acumulou indevidamente a remuneração do cargo político com o salário de médico concursado do Município. A acumulação remunerada dos dois cargos públicos fere o Artigo 37 da Constituição Federal e o Provimento 56/2005 do TCE.

A única hipótese de conciliação dos cargos teria sido Santiago se licenciar de uma das funções e optar por um dos vencimentos. "Cumpre recordar que o vice assume a incumbência de substituto permanente do Prefeito, devendo estar prontamente disponível para assumir suas atribuições nos casos de impedimento e vacância do titular, o que é incompatível com a cumulação dos cargos e afasta a boa-fé sustentada pelos autores (recorrentes)", assevera a decisão do conselheiro Ivan Bonilha, relator da negativa à Rescisão.

O julgamento destaca ainda entendimento do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre caso similar, julgado em março de 2005, endossando a irregularidade da situação encontrada em Dois Vizinhos. Cabem embargos da decisão do Pleno, tomada em 7 de novembro último. O prazo é contado da data de publicação do acórdão no Diário Eletrônico do TCE, veiculado de segunda a sexta-feira, no site do Tribunal: www.tce.pr.gov.br.

Serviço:

Processo: nº 473069/13
Acórdão: nº 4896/13 – Tribunal Pleno
Assunto: Pedido de Rescisão
Entidade: Município de Dois Vizinhos
Interessados: Paulo Sergio Ribas Santiago
Relator: Conselheiro Ivan Bonilha

Autor: Diretoria de Comunicação Social Fonte: TCE/PR

Anúncios

Sobre Rodini Netto

Jornalista de profissão, editor dos Blogs Meandros da Política (Brasil), Versão Brasileira (Europa). Diretor do Jornal Diário de Piraquara Consultor de Comunicação Digital
Esse post foi publicado em Política. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s