PARANÁ FALIDO: Com as contas atrasadas, governo do PR quer negociar prazo de dívidas

GAZETA DO POVO

Nesta semana, telefones da polícia foram cortados e presos podem ficar sem comida por falta de pagamento. Estado já anunciou uma série de medidas de contenção de gastos

(Foto: Roberto Custódio / Jornal de Londrina)

Com as contas atrasadas, governo do Paraná chama credores para negociar as dívidas: http://bitly.com/18bWV7m (Foto: Roberto Custódio / Jornal de Londrina)

Com as contas atrasadas, o governo do Paraná quer negociar novos prazos para saldar as dívidas que têm com fornecedores de serviço. A Secretaria de Administração e da Previdência começou a convocar esses fornecedores com os quais o estado está em débito para montar novos cronogramas de pagamento, divulgou, nesta quinta-feira (21), a Agência de Notícias do Paraná, órgão oficial de comunicação do governo estadual. A negociação também está sendo feita com fornecedores de combustíveis, que têm pagamentos atrasados, diz a nota.

A urgência para solucionar o atraso nos pagamentos e a falta de dinheiro no caixa do estado ficaram evidentes essa semana com o corte das linhas de telefone da Polícia Militar (PM) e da Secretaria de Estado da Segurança Pública (Sesp), em Curitiba, por falta de pagamento. O problema também ameaça a alimentação de 18 mil detentos no Paraná, já que algumas empresas que fornecem a comida estão sem receber desde agosto e outras desde setembro.

Este ano, o governo já anunciou uma série de medidas de contenção de gastos, como o corte de comissionados, a extinção de secretarias e outros contingenciamentos no orçamento. Nesta quinta, a Assembleia Legislativa votou de uma só vez e praticamente encerrou a tramitação de dois projetos de autoria do Executivo que pretendem aliviar o caixa: um dá mais prazo para devedores de impostos quitarem suas dívidas com o estado e a outra facilita a negociação no caso de precatórios (ações antigas em que o estado é devedor). O governo espera arrecadar R$ 50 milhões só com o parcelamento.

Anúncios

Sobre Rodini Netto

- Jornalista brasileiro (DRT-Pr 7.294) e Consultor em Comunicação Política. - Editor do Blog Moeda Livre Economia Digital - Fundador e Editor do Jornal Diário de Piraquara (2008). - Editor do Blog Meandros da Política (2008-2016).
Esse post foi publicado em Política. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s